Pages

Ser, humano...


Ser, humano...

 Gosto da chuva e do que ela pode nos trazer. Gosto do rosto lavado em meio as cinzas do dia a dia. Gosto da verdade dita, exalada pelos olhos. Gosto das multidões, tanto quanto gosto da solidão. Gosto da musica e do silencio. Do estar, do ficar...
 Nesses dias me encontro comigo. E as vezes preciso falar o que penso na frente do espelho. Olhando no fundo de meus olhos. As verdades contidas dentro da alma machucam, mas aliviam. Por isso não gosto de me enganar. Luto e reluto pelo estar consciente. O porre anestesiaria algumas dores. Mas se dói nos faz lembrar que nem sempre acertamos. Que somos falhos, que somos humanos...

 É fácil fugir de si. Viajar para um mundo de fantasias utópicas e realidades distorcidas. É fácil ser feliz fugindo de tudo. Quero ver ser feliz aceitando quem realmente você é. Talvez a verdadeira felicidade só seja encontrada assim. Quando nos aceitamos. Pois o enganar, por mais perfeito que o seja é apenas uma fantasia. Uma roupa que um dia desbota, rasga, fica sem uso.
 Sei que já bati diversas vezes nessa tecla. Mas, quem você é? O que você quer? O que te faz feliz? Conseguiu responder? Agora me diz, o que REALMENTE te faz feliz?

Entre Cabelos e Barba

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário: