Pages

O que somos?

Faz tempo que não falo mais nada de nós. Me sucumbi em um silencio por medo do que nos tornamos. 
Nos tornamos algo?  Amigos? Amantes da noite ou apenas um sorriso em meio ao dia turbulento? Amor talvez? Acho pouco provável. Pelo menos da sua parte...
Desde o inicio tentei me manter serena, sem grandes ilusões. Mas como não ter? Se converso com a pessoa mais perfeita que alguém possa conhecer. Aquela que te compreende perfeitamente...
Por pura modéstia minha, combinamos. Eu sei, eu sei, é loucura. Mas quem não se emergiria nessa fascinação que é viver um amor diferente. Um amor resistente em meio a esse mundo. Um amor verdadeiro, onde o que o trouxe a tona foi a simples afeição por sorrisos trocados.

Emília Pugno

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário: