Pages

Domingo inefável


Domingo inefável


Adoro os dias de chuva, pela simples conotação poética que me traz. Gosto da companhia quente, mas amo a solidão de meus pensamentos. Não é questão de viver sozinho, longe disso. É a necessidade de um tempo para reflexões…
Irrita-me o fato de você ser julgado por ser diferente. Por ter suas próprias vontades. E o pior, por não querer fazer aquilo que dizem ser o certo. O certo vai pela opinião de cada um.
A vida é uma licença poética. 
Sem uma linha reta a qual nos é indicado andar.
Uma hipérbole de sentimentos nos quais nem sabemos o motivo. 
Uma discrepância que nos deixa confrontados com a própria ânsia de viver.
Somos quem não deveríamos ser. 
Somos tudo aquilo que não desejamos ser. 
Mas somos!

Entre Cabelos e Barba

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário: