Pages

Vergonha de mim

Vergonha de mim


Tenho vergonha do meu povo.
Tenho vergonha de ti.
Tenho vergonha de mim.


Pelo nosso consumismo desenfreado.
Pela nossa vontade de crescer a qualquer custo.
Pela nossa vontade de ter sempre mais.

Por não nos importarmos tanto com o próximo.
Por não nos importarmos com a natureza.
Por não nos importarmos com a nossa saúde.

Pelos nossos preconceitos
Pelos nossos julgamentos
Pelos nossos apontar de dedos

Quantas vezes paramos para ver o pôr do sol?
Quantas vezes paramos para ouvir o canto dos pássaros?
Quantas vezes paramos para sentir a brisa em nossos rostos?

Sinto vergonha de mim.
Sinto vergonha de ti.
Sinto-me como se não sentisse nada.

Entre Cabelos e Barba

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário: