Pages

Brincadeira de criança

Brincadeira de criança

Vamos brincar de cão e gato?  Jogo de xadrez. Você é o rei e eu sou o cavalo. Só ando em “L” para tentar te alcançar. Ou talvez seja o pião, sacrificado assim que for necessário.
Vamos brincar de gangorra? Altos e baixos, ou talvez seja uma roda gigante. Chegamos tão longe, já avistamos o horizonte. O céu estrelado e de repente o nada. Estamos em baixo, em baixa, em alta.
Vamos brincar de esconde-esconde? Você some e eu conto até dez. Escondem-se quem puder. E aí vou eu...
Vamos brincar de pega-pega? Ou será um jogo de quem não se apega? Não sei... Corri, corro, e nunca te pego, ou já peguei e não sei. Na verdade acho que você me pegou. Me pegou de um jeito que me deixou correndo em círculos, atrás de meu próprio rabo.
Vamos brincar de ioiô? Me arremessa para cima e para baixo. Envolve-me em um laço, da corda para eu me enforcar. E eu me enforco. Com a minha própria inércia de ir para baixo.
Vamos brincar de viver. Sorrir ao acordar. Sorrir ao doer...

Entre Cabelos e Barba

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário: